Sobre os novos dias – @

Os dias não passam, as horas voam, e eu só sinto isso quando ela diz ‘já está na hora’. O café esfria, e as vezes até chove no fim da tarde, pela noite só o frio. Quando eu paro pra pensar no que ainda me resta pra fazer, aparece algo que não me deixa pensar. Eu estou precisando de um tempo para dar um tempo. As idéias viram só cartazes espalhados no meio da avenida. A garoa, na garupa do clima que, esses dias, também não tem estado tão bem assim. Por fim, eu espero o fim da vida do meio do ano. Eu quero uma pausa na vida para perseguir um sonho.
Assim, sem pressa, como quando ela fica aqui, tão perto.

Um pensamento em “Sobre os novos dias – @”

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s