folhas de pimenta

Ela tem o rosto que eu sonhei. Em teu olhar eu me encontro, perdido em teu sorriso. Eu sorrio, como se agradecesse a Deus por tudo isso. Então ela sorri também, fica envergonhada e cobre meus olhos com tuas mãos. Ela sorri, diz alguma coisa que me faz rir. Eu beijo teu rosto e me afasto. Ela sorri e me olha. Deita a cabeça em meu colo, olha para mim, sorri novamente, e vira a cabeça para assistir algo no televisor que tenha chamado tua atenção. Seus olhos brilham, movem-se lentamente. Eu fico a observar cada movimento de teu rosto. Fico esperando nascer um sorriso, ou uma expressão de espanto, depende do que a TV sugere. Então chega os reclames, eu escorrego meus dedos no rosto dela, ela sorri e me olha pelo canto do olho. Vira-se olhando para mim, agora, me abraça forte, e sorri outra vez. Ela beija meu rosto e agora senta. Encosta a cabeça no meu ombro, mesmo que a cabeça esteje voltada para a TV. Me dá um último beijo, entrelaçamos nossas mãos, enquanto a imagem vai se afastando. Longe, mais longe… é o fim da cena. É o fim do final de semana.

Um pensamento em “folhas de pimenta”

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s