6:46 AM

Ela chega calma e silenciosamente. Caminha cautelosamente sem sapatos com a ponta dos pés. Primeiro observa de longe, e sutilmente vai sentando na ponta da cama. Passa a mão nos cabelos os colocando para de trás da orelha direita. Suspende a mão sobre meu ombro e repousa sua mão sobre meu pescoço envolto pelo lençol. Inclina seu pescoço liso e fino próximo ao meu ouvido e sussurando diz: “bom dia”. Ela não precisa dizer mais nada.

mais nada.

Um pensamento em “6:46 AM”

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s