nebulosa

eu e você
como tinha que ser
caminhando entre a multidão
sem medo pela contramão

eu, você, o mundo inteiro
somos tão sós, amigo
soltos no espaço
juntando nossos pedaços

somos partes de um mesmo plano
termos de uma mesma equação
nós não sabemos aonde vamos
andamos sempre na mesma direção

eu e você
perdidos em palavras
mais de um mesmo roteiro
que insistimos em seguir

a falta que sentimos de tudo que não vivemos
as vontades que temos e nunca passam
somos universos que se cruzam
somos milagres que se encontram

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s