café frio.

eu podia ter prometido qualquer coisa, pra qualquer um. mas eu tive que prometer logo a mim que, se tudo que eu digo for realmente verdadeiro, eu tenho que te ver feliz. afinal de contas nāo existe outro motivo para eu querer estar por perto. e se eu nāo for o motivo da sua felicidade, que eu fique feliz em ver que mesmo assim ela está com você. vai parecer tolice, e pode até ser que seja mesmo, mas é assim que deve ser. e que quando eu achar que eu devo desistir ou mudar de ideia, que eu me lembre de tudo que passa em minha cabeça quando eu te vejo sorrir. embora o mar insista em puxar, as ondas sempre voltam a procurar a praia. eu não vou entender. você não vai entender. ninguém vai entender. ao menos até você novamente sorrir.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s